• Vivian Garrido

Siga o mapa. Saindo da Roda de Samsara - Otis, o dragão (Canalizado por Vivih Garrido)

Nós lhes damos o endereço completo, com todas as coordenadas, com todo o script. Basta pegar o mapa e deixar fluir, seguir. Mas vocês ficam olhando e dizendo: “Será que este é o endereço certo?” E fica tentando outras combinações, porque “Ah, se o endereço for este mesmo eu vou ter que passar por aqui... por aqui eu não quero passar... vai demorar mais... é mais longe, vai chover, está muito frio, está muito calor. Ah, hoje não... Não estou com vontade...”Mas todos os outros caminhos que você escolher, só vão indicar o mesmo caminho. Igual a um filme interativo em que você crê estar decidindo o final, mas roda, roda e o final é um só, todos os caminhos terminam no mesmo final. E você diz: “Não, ninguém vai escolher o meu final por mim, então eu vou fazer outro final!” Tudo bem, você pode fazer ou pensar que está fazendo, mas vai voltar de novo e começar do zero para o mesmo resultado final.

O Todo é infinitamente paciente, mas até o infinito tem um limite. O caminho é para dentro! Você entende o que está dentro, tira todas as amarras, todas as coisas que estão te prendendo e joga no lixo. E depois é só olhar para cima e construir tudo o que você quiser. Não tem nada que seja impossível. Todos os caminhos que você traçou, todos os mapas que te entregaram, eles funcionam. “Ah, mas eu tenho que atravessar o oceano e eu não tenho barco...” Mas você pode criar qualquer outro meio. Se você quer uma coisa melhor é só você tornar aquilo que não te serve mais obsoleto. Então, pergunte-se: “o que não está me servindo mais? O que tá me atrapalhando?” O que faz ser difícil ir até uma cidade que está a 300km de você? Para ir de carroça será lento, o cavalo pode não aguentar, não ser forte o suficiente. Então você arruma um carro e em duas horas e pouco você está lá.O que ficou obsoleto para você? Substitua por algo melhor. Se você não souber o que é melhor, só jogue no lixo o obsoleto e espere. Porque aquilo que é melhor do que o que você tem agora já existe, você só não está vendo porque está segurando na sua frente aquilo que não te serve mais.

Um ser humano pode voar, sem nenhum instrumento? Você já viu pessoas levitarem? Você já viu pessoas andando sobre as águas? “Ah, é ilusionismo!” Será que é? “É algum truque”. Talvez. Aqui na 3D nada é possível, mas da 5D para cima o que é impossível? E se a Terra já está na quinta dimensão, você está fazendo o que na terceira? Está juntando as coisinhas? Você vai levar para onde as coisinhas? E por coisinhas não se entende só matéria ou bens materiais, mas também os apegos emocionais, crenças, ego... Todas estas coisinhas que vocês estão acostumados a criar em volta de vocês e chamar de “meu”, chamar de “segurança”, chamar de “estabilidade”, chamar de “prevenção”.É a campanha contra a seca que ajuda a secar mais o rio, que coloca todo mundo em pânico acreditando que a água vai acabar. E acontece diante dos olhos e eles acreditam que é coincidência. E quem já entendeu como funciona diz: “Pare de fazer isso que você está criando esta realidade!”. Mas rebatem: “Você é maluco, isto não é verdade, precisamos continuar lutando pelo que nós não queremos!” Aí acontece... e dizem que é coincidência. É a roda de Sansara se repetindo. “Você não consegue transformar a água em vinho”. E ele transformou a água em vinho. “Isto foi um truque!”. “Você não consegue multiplicar os pães”. Ele Multiplicou os pães. “É um truque.” Vocês desafiam e o Universo mostra, então vocês dizem que é mentira. Pois esta é a programação que foi colocada em vocês.Agora que você já sabe disso, use esta vantagem. Os outros ratinhos que estão correndo na roda, esperando chegar em algum lugar, eles não sabem que estão correndo na roda. Você sabe e está correndo na roda porque quer e dando uma desculpa qualquer “Estou correndo na roda para me exercitar”. Isto não muda nada, pois você ainda é um rato correndo na rodinha. As coisas não mudam apenas porque você deu uma desculpa diferente. É só sair da rodinha, não precisa ter medo. Você não morre por estar fora da rodinha, você renasce para uma nova realidade. É seguro. Muito mais seguro do que ficar na roda e nunca descobrir o ser fantástico que você veio para ser. Otis

26 visualizações

© 2019 por Desperte Seu Melhor - CNPJ 33.035.541/0001-04

  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook